APARTAMENTO I.N.

Projetar uma residência sempre requer o conhecimento da personalidade e do gosto dos seus donos. É preciso imprimir o DNA do cliente deixando o trabalho com a cara deles. Por isso é importante fazer uma arquitetura rica em conceitos e história. Primamos em unir épocas, através dos espaços ambientados nesse projeto. O passado surge com toda a bagagem de coleções e o mobiliário já existente, que deveria ser aproveitado ou repaginado. Os dias atuais são representados com o uso de móveis contemporâneos, com cores atemporais que imprimem design e tecnologia, sem perder o aconchego. Já o futuro vem através de novidades em peças que acompanham a dinâmica de uma rotina do descobrir. Mas a história continua é preciso seguir somando experiências, colecionando lembranças e transformando o espaço construído.

Dentre as ideias estão as paredes usadas com texturas e finalidades distintas. Uma face abriga o colecionismo de porta-retratos que compuseram um painel. A outra é feita em madeira de mourão, material comum em casas antigas, uma solução rústica que contrasta com o acabamento em laca do mobiliário, e se transforma numa enorme cristaleira, divisória para o Office, servindo de luminária, por ser toda em vidro, proporciona uma iluminação natural e artificial para a sala de jantar. A harmonização fica por conta de itens emblemáticos como o pendente trazido de Portugal, o colorido nas obras de arte que preenchem as demais superfícies, como a obra de Sandro Maciel, e na arte de Tiago Amorim, que elaborou uma base de cerâmica esmaltada especialmente para a mesa colocada na varanda.

Localização Recife, Pernambuco, Brasil

Fotografias Lucas Oliveira